Supermicro contesta alegações em artigo da Bloomberg

SAN JOSE, Califórnia, 6 de outubro de 2018 /PRNewswire/ — A Super Micro Computer, Inc. (SMCI), líder mundial em soluções de computação, armazenamento e redes empresariais, bem como em tecnologia de computação verde, refuta firmemente notícias de que os servidores que vendeu a clientes continham microchips maliciosos nas placas-mãe desses sistemas.

Um artigo publicado hoje alega que as placas-mãe da Supermicro, vendidos a certos clientes, continham chips maliciosos em suas placas-mãe, em 2015. A Supermicro nunca encontrou quaisquer chips maliciosos, nem foi informada por qualquer cliente de que tais chips foram encontrados.

Todas as empresas mencionadas na notícia (Supermicro, Apple, Amazon e Elemental) emitiram fortes declarações, negando tais alegações:

A Apple declarou à CNBC: "Estamos profundamente desapontados com o fato de que, em suas interações conosco, os repórteres da Bloomberg não levaram em consideração a possibilidade de que eles ou suas fontes poderiam estar errados ou mal informados. Nossa melhor conjetura é a de que eles estão confundindo sua história com um incidente anteriormente relatado, em 2016, no qual descobrimos um driver infectado em um único servidor da Supermicro, em um de nossos laboratórios. Esse evento, que ocorreu uma vez, foi considerado acidental e não um ataque dirigido contra a Apple".

O diretor de Segurança da Informação da Amazon Web Services, Steve Schmidt, declarou: "Como dissemos à Bloomberg BusinessWeek várias vezes nos últimos dois meses, em nenhum momento, passado ou presente, encontramos quaisquer problemas relacionados a hardware modificado ou chips maliciosos nas placas-mãe da Supermicro, em quaisquer sistemas da Elemental ou da Amazon".

A Supermicro nunca foi contatada por qualquer órgão governamental doméstico ou estrangeiro, em relação às supostas alegações.

A Supermicro leva muito a sério todas as alegações sobre segurança e faz investimentos contínuos nos recursos de segurança de seus produtos. A fabricação de placas-mãe na China não é exclusividade da Supermicro, pois é uma prática padrão no setor. Quase todas as provedoras de sistemas usam as mesmas fabricantes por contrato. A Supermicro qualifica e certifica cada fabricante por contrato e inspeciona de perto, rotineiramente, suas instalações e processos.

Siga a Supermicro no Facebook e no Twitter para receber as últimas notícias e anúncios.

Sobre a Super Micro Computer, Inc. (SMCI)
A Supermicro®, principal inovadora em tecnologia de servidores de alto desempenho e alta eficiência, é uma grande fornecedora de Building Block Solutions® de servidores avançados para centros de dados, computação em nuvem, TI empresarial, Hadoop/Big Data, HPC e sistemas embutidos, em todo o mundo. A Supermicro assumiu o compromisso de proteger o meio ambiente através da iniciativa "We Keep IT Green®" e fornece aos clientes as soluções mais eficientes energeticamente e amigáveis ao meio ambiente disponíveis no mercado.

Supermicro, Server Building Block Solutions e We Keep IT Green são marcas comerciais e/ou marcas comerciais registradas da Super Micro Computer, Inc.

Todas as demais marcas, nomes e marcas comerciais pertencem a suas respectivas proprietárias.

SMCI-F

FONTE Super Micro Computer, Inc.

Related Links

http://www.supermicro.com

  • News Sources

0
Loading...